Se você acha que uma pintura nova muda a decoração de uma casa, dá novo astral e ainda renova as energias do seu lar, veio ao lugar certo. É exatamente sobre isso que vamos falar neste post.

Vamos dar dicas de como escolher as cores dos cômodos e combiná-las com móveis, objetos e até com a sua personalidade.

Preparado para uma aula de pintura? Então, vamos a ela!

Escolha as cores da sua casa

Você quer pintar seu apartamento, mas está confuso quanto a seu gosto pessoal, tendências e até cores adequadas para cada cômodo.

Antes de colocar a mão na massa, é preciso fazer uma espécie de análise psicológica dos moradores da casa e saber o que agrada mais, a fim de fazer a escolha certa. Afinal, do que adianta pintar uma parede de verde-musgo — mesmo que a cor seja uma tendência—, se não agrada ao dono da casa?

Defina seu estilo! Gosta de tons claros? Prefere os coloridos e quentes? Ou adoraria uma parede em tom escuro?

Defina as cores dos cômodos

Caso você ainda esteja em dúvida por causa da grande oferta do mercado para um único estilo de pintura, saiba que você pode usar uma cor para cada cômodo da casa (e, se for ousado, até mais de uma!).

Aqui vai prevalecer a funcionalidade do cômodo e a combinação que você pode fazer com móveis e objetos. Por exemplo, salas e cozinhas tendem a requerer mais luz, mas também são os ambientes mais democráticos da casa.

Dá para escolher cores claras, que ampliam o ambiente e conferem mais luminosidade. Tons claros também ajudam a compor melhor o local se você tiver muitos objetos de decoração coloridos. Uma base neutra faz com que eles não briguem entre si.

Quer aumentar a sensação de espaço do seu ambiente? Combine a cor da parede com a do piso! A técnica amplia o ambiente e você pode incrementar com objetos e móveis de cores diferentes.

Já se o cômodo a ser pintado é um quarto, talvez valha optar por cores mais frias, que remetam à tranquilidade e ao relaxamento. Já se a ideia é agitar, use um vermelho ou laranja na sala ou corredor.

Está na dúvida em relação a uma cor forte como o roxo ou verde-abacate? Não precisa! Pinte uma parede só do cômodo. O tom mais forte vai fazer sucesso e não vai cansar tanto.

Arrisque sem medo de errar

Agora que você já sabe de onde partir para escolher as cores dos cômodos do seu apartamento, é hora de se divertir. Não tenha medo! Planeje as cores do ambiente de acordo com seu estilo e com a sua  funcionalidade.

Para ajudar, sugerimos ainda o uso de um círculo cromático: uma espécie de paleta de cores que apresenta tons próximos (podem aparecer em outros cômodos) e contrastantes (podem ser opção para móveis e objetos).

Se você curtiu mudar as paredes da sua casa, saiba que já é possível personalizar ainda mais seu apartamento novo sem trabalho e sem sujeira. Basta encomendar um kit de acabamentos para você ter o piso, o revestimento e até as bancadas de granito dos seus sonhos. E o melhor: tudo antes de entrar no seu imóvel. É só escolher o que mais se encaixa no seu bolso e no seu perfil e esperar ficar pronto.

Agora que você já possui mais conhecimentos em pintura, cores dos cômodos e decoração  dê uma olhada nesse apartamento http://bit.ly/pierreimoveis-cod3, localizado em um excelente condomínio! Entre em contato conosco para saber mais informações.

Fonte: MRV

Pierre Xavier

51 99336.2204 WhatsApp

Corretor de Imóveis | CRECI RS 51288
O Compromisso de um Bom Negócio!

Comentários

Comentários